Back to all stories
2 minutes read

Já imaginou uma fábrica que dispensa zero de resíduos sólidos na natureza? Essas fábricas existem e muitas delas são da Nestlé, como a unidade em Ribeirão Preto (SP), que produz as rações Purina. Somente esta fábrica deixou de enviar para aterros sanitários 88 toneladas de resíduos sólidos desde 2015.

Fábrica da Purina dá destino certo para 100% do material sólido gerado na produção de ração

Todos os itens que fazem parte do processo de produção da Purina, como embalagens de produtos vencidos ou que tiveram que ser reembalados, final da bobina do plástico, caixas de fornecedores e qualquer outro resíduo sólido é enviado para empresas de reciclagens fiscalizadas pela Nestlé. O que não é enviado para reciclagem é transformado em combustíveis alternativos para o funcionamento de cimenteiras. Além de controlar a emissão de gases na hora da queima deste material, as cinzas provenientes são incorporadas ao cimento.

Zero resíduo para disposição

Também foi instalado um sistema de recuperação de energia térmica proveniente da água de resfriamento de equipamentos, como autoclaves, além de contar com lâmpadas do tipo LED, para maior economia de energia.

Reutilizar todo o material sólido faz bem para o meio ambiente e também para a sociedade. Essa atitude da Nestlé influencia a criação, manutenção e expansão de outros negócios relacionados à reciclagem, contribuindo também para o desenvolvimento de outras industrias, como de coprocessamento e compostagem, gerando empregos e renda.