NESTLÉ ENFATIZA O IMPACTO DA CRIAÇÃO DE VALOR COMPARTILHADO EM FÓRUM NA ÍNDIA

To Press Releases listSão Paulo,nov 6, 2012

A Nestlé enfatizou como a Criação de Valor Compartilhado pode ter um impacto de sucesso nos negócios em todo o mundo, na edição de 2012 do Fórum Global Criação de Valor Compartilhado, realizado em Nova Deli, Índia.
 
Mais de 450 autoridades governamentais, representantes da sociedade civil e empresarial participaram do evento que destacou o papel dos negócios no desenvolvimento e na melhor percepção da Criação de Valor Compartilhado principalmente no Sul Asiático.
 
O fórum, co-patrocinado pela Federação das Câmaras de Comércio e Indústria da Índia (FICCI), se concentrou nas prioridades da Criação de Valor Compartilhado da Nestlé – Nutrição, Água e Desenvolvimento Rural – que são fundamentais para suas atividades comerciais.
 
“Acreditamos no poder da Criação de Valor Compartilhado”, disse o Presidente do Conselho da Nestlé, Peter Brabeck-Letmathe. “Será ainda mais eficaz quando estimular o pensamento criativo dos mais diversos setores em todo o mundo”.
 
“Sua maior força reside no fato de ser um conceito aberto. Todos podem usá-lo”.
 
“Uma companhia, para ter sucesso no longo prazo, precisa abraçar a Criação de Valor Compartilhado”, disse o CEO da Nestlé, Paul Bulcke. “Não é apenas mais um conceito, está embutido em tudo o que fazemos”.
 
Criação de Valor Compartilhado
 
A Criação de Valor Compartilhado sustenta a estratégia corporativa da Nestlé – criando valor para seus acionistas e também para a sociedade, e em especial para as sociedades em que a companhia atua.
 
Está baseada no sólido compromisso com a sustentabilidade ambiental e conformidade com as leis, códigos de conduta e com os Princípios Corporativos da Nestlé.
 
A Nestlé integrou a Criação de Valor Compartilhado em cada estágio de sua cadeia de valores, desde a agricultura e do desenvolvimento rural até a entrega dos produtos aos consumidores e o descarte do lixo. A empresa desenvolveu o conceito com o apoio dos Professores Michael Porter e Mark Kramer da Universidade de Harvard.
 
“A Criação de Valor Compartilhado está fundamentalmente relacionada com oportunidades de negócio. Por sua vez, esses negócios podem contribuir para soluções sociais”, disse Mark Kramer no evento.
 
Educar uma geração
 
Durante uma sessão sobre desnutrição, Nandu Nandkishore, Vice-Presidente Executivo da Nestlé e Head da Zona Ásia, Oceania e África, destacou a necessidade de educar a sociedade para mudar a maneira como vê a nutrição.
 
“É um desafio, mas também uma oportunidade”, declarou.
 
“Precisamos de melhores e precisas maneiras para identificar problemas associados com a desnutrição. Acreditamos que existem três áreas passíveis de intervenção, a saber, educação, fortificação e regulamentação”.
 
“O duplo fardo da desnutrição é o subnutrido e o supernutrido. É por isso que micronutrientes e fortificação são importantes”, disse Ann M. Veneman, membro do Conselho de Administração da Nestlé e antiga Diretora Executiva da UNICEF.
 
“Não basta controlar a ingestão de calorias. Também temos que prestar atenção aos nutrientes”.
 
Precisamos agir
 
Em uma sessão sobre água, Peter Brabeck-Letmathe destacou que a água representa um desafio global que precisa ser abordado com urgência.
 
“A água vai acabar antes do petróleo”, ele disse. “Precisamos cada vez mais de água para cada caloria que produzimos. Esse é o problema”.
 
Asit Biswas, Presidente do Centro do Terceiro Mundo para o Gerenciamento da Água, advertiu que é preciso colocar um preço na água.
 
“Na Índia, a água bombeada para os fazendeiros é gratuita. Como resultado, eles bombeiam água 24 horas por dia, quer precisem ou não”, declarou.
 
“Um dos principais desafios em todo o mundo é a disponibilidade de água potável”, disse Agatha Sangma, Ministro de Estado para o Desenvolvimento Rural da Índia, disse em outra sessão.
 
Todas as sessões do Fórum de Criação de Valor Compartilhado foram transmitidas por webcast ao vivo. Estão disponíveis on demand aqui.