Prêmio Henri Nestlé incentiva pesquisa na área de nutrição entre profissionais de saúde e estudantes brasileiros

Inscrições para a quarta edição da premiação, que reconhece os melhores trabalhos nas áreas de Nutrição, Saúde e Bem-Estar, estão abertas até 10 de março

São Paulo, janeiro de 2014 – Com o objetivo de estimular e valorizar a pesquisa científica nacional em Nutrição, Saúde e Bem-estar, o Prêmio Henri Nestlé, criado em 2007, chega a sua quarta edição e está com inscrições abertas. A premiação reconhecerá os melhores trabalhos de profissionais de saúde e estudantes de graduação e pós-graduação de todo o País nas áreas de Ciência & Tecnologia de Alimentos, Nutrição Clínica e Nutrição em Saúde Pública.

A realização do prêmio está alinhada ao compromisso da Nestlé em fomentar, divulgar e promover projetos na área de Nutrição – um dos os três pilares do conceito de Criação de Valor Compartilhado da companhia, estratégia de responsabilidade social baseada na premissa de que, para o sucesso dos negócios em longo prazo, tão importante quanto gerar valor para os acionistas é gerar valor para a sociedade em que a empresa está presente. O Prêmio, que leva o nome do fundador da Nestlé, acontece a cada dois anos. Em sua última edição, alcançou 275 universidades em 250 cidades brasileiras.

As inscrições dos trabalhos para a 4ª Edição do Prêmio são gratuitas e devem ser realizadas até o dia 10 de março pelo site www.nestle.com.br/phn, onde também estão disponíveis informações adicionais e o regulamento completo.

Os trabalhos podem ser inscritos em uma das seguintes categorias:

• Categoria I: Profissionais e/ou estudantes de graduação ou pós-graduação Lato Sensu (especialização, residência, aprimoramento).
• Categoria II: Profissionais e/ou estudantes de pós-graduação Stricto Sensu (mestrado, doutorado e pós-doutorado).

Os trabalhos serão avaliados por uma comissão científica composta por profissionais que são referência nas áreas de Nutrição e Saúde, em três fases distintas, que consistem em avaliação do resumo apresentado, avaliação do projeto completo e apresentação oral. Os participantes concorrem a prêmios em dinheiro, notebooks, troféu, certificados e uma viagem para conhecer o Nestlé Research Center, o centro de pesquisas da Nestlé na Suíça.

O Prêmio Henri Nestlé tem o apoio de importantes universidades, como a Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), e ainda conta com a parceria das mais representativas entidades do País ligadas aos temas, reconhecidas pela seriedade e compromisso com o incentivo à pesquisa científica: Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN); Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição (SBAN); Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) e Sociedade Brasileira de Nutrição Enteral e Parenteral (SBNPE).

Sobre a Nestlé

É a maior empresa mundial de nutrição, saúde e bem-estar, com operações em 194 países e fábricas em 86 países. No Brasil, instalou a primeira fábrica em 1921, na cidade paulista de Araras, para a produção do leite condensado Milkmaid, que mais tarde seria conhecido como Leite Moça por milhões de consumidores. A atuação da Nestlé no Brasil abrange segmentos de mercado achocolatados, biscoitos, cafés, cereais, cereais matinais, águas, chocolates, culinários, lácteos, refrigerados, sorvetes, nutrição infantil (fórmulas infantis, cereais infantis e papinhas prontas para o consumo), nutrição clínica, produtos à base de soja, alimentos para animais de estimação e serviços para empresas e profissionais da área de alimentação fora do lar. Atualmente, a rede de distribuição dos produtos cobre mais de 1.600 municípios dos mais diversos tamanhos. A Nestlé Brasil e suas empresas coligadas estão presentes em 99% dos lares brasileiros, segundo pesquisa realizada pela Kantar Worldpanel. A empresa tem 31 unidades industriais, localizadas nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Goiás, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Espírito Santo. Emprega mais de 21 mil colaboradores diretos e gera outros 220 mil empregos indiretos, que colaboram na fabricação, comercialização e distribuição de mais de 1.000 itens.