Programa Nestlé Nutrir Crianças Saudáveis apoia capacitação de educadores físicos

Treinamento busca evidenciar os benefícios do atletismo para saúde física, social e cognitiva dos alunos e estimular os profissionais a incluírem a modalidade em suas aulas

São Paulo, outubro de 2014 – O Programa Nestlé Nutrir Crianças Saudáveis – voltado à promoção de alimentação saudável e prática de atividades físicas, em parceria com a Associação Internacional de Federações de Atletismo e a Confederação Brasileira de Atletismo, está apoiando a capacitação de cerca de 50 profissionais de educação física do Colégio da Polícia Miltar- Cruz Azul para que incluam atividades relacionadas ao atletismo em suas aulas. O treinamento acontece hoje (24) e amanhã (25), no Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa de São Paulo (Rua Pedro de Toledo, 1651, Moema) das 8h30 às 15 horas.

O evento, que é promovido pela Coordenadoria de Gestão de Esporte de Alto Rendimento e pelo Colégio da Policia Militar, é composto por duas etapas. Na primeira, os professores receberão um treinamento teórico, que evidencia os benefícios físicos, sociais e cognitivos dos alunos por meio da prática do atletismo, estimulando a prática da modalidade como elemento de promoção à saúde e à qualidade de vida.

Já no segundo dia, os professores de educação física aplicarão os conceitos aprendidos durante um Festival de Atletismo. Nesta etapa, cerca de 320 crianças, de 8 a 15 anos, divididas nas categorias Mini, Pré-Mirim e Mirim disputarão provas de corrida de 50, 60, 600 e 1 mil metros, além de arremesso de peso, salto parado e em distância.

O Programa Nestlé Nutrir Crianças Saudáveis atua na prevenção e no combate à obesidade a partir da alimentação balanceada, combinada com a prática de atividade física, e já capacitou mais de 17 mil educadores e impactou mais de 1,9 milhão de crianças em mais 6,7 mil escolas públicas de todo o Brasil. Entre outras atividades, o programa mantém parcerias com quatro organizações sociais: o Instituto Fernanda Keller, em Niteroi (RJ), o Instituto Bola pra Frente, no Rio de Janeiro (RJ), o Bairro da Juventude, em Criciúma (SC), e a Casa do Zezinho, em São Paulo (SP).