Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Nestlé comemora Dia do Agricultor com programas de apoio ao produtor rural

Back to Press releases
São Paulo,
Jul 25, 2014
Companhia incentiva a adoção de práticas agrícolas sustentáveis e auxilia na melhoria da produção de importantes matérias-primas

São Paulo, julho de 2014 – O Dia do Agricultor celebrado em 28 de julho é uma data especial para a Nestlé. Desde sua chegada ao Brasil, em 1921, a companhia desenvolve uma série de programas junto a produtores de suas principais matérias-primas, com o objetivo de colaborar para o desenvolvimento rural sustentável – definido pela companhia como um de seus principais pilares de compromissos, juntamente com Nutrição e Água.

As ações têm como base o conceito de Criação de Valor Compartilhado, plataforma mundial de responsabilidade socioambiental da Nestlé, que busca aliar o desenvolvimento sustentável do negócio à geração de valor para as comunidades onde a empresa está presente.

Excelência na horta - Em São José do Rio Pardo (SP), um programa de excelência contínua voltado a pequenos produtores de vegetais e legumes acontece desde 2006, para assegurar a qualidade das matérias-primas utilizadas na fábrica de Papinhas Nestlé localizada na cidade. Ao todo, são 26 produtores rurais que vivem da agricultura familiar de produtos como batata, cenoura, feijão, mandioquinha, cebola, alho-poró e espinafre. Com a capacitação dos produtores foi possível otimizar os processos e enxugar a cadeia produtiva para a redução no tempo de recebimento dos vegetais, o que preserva suas características e agrega benefícios ao produto final. Além disso, os produtores recebem sementes selecionadas e são incentivados a melhorarem todas as práticas agrícolas - adubação, irrigação, controle fitossanitário e introdução de produtos biológicos durante o cultivo.

Eles são ainda estimulados a fazerem um manejo integrado de suas propriedades para o controle das ervas daninhas, pragas e doenças, e registrarem todas as informações para a garantia da rastreabilidade da produção. Os resultados do programa são perceptíveis e mostram uma evolução na capacidade de produção, que leva, consequentemente, a uma maior geração de renda. A colheita de legumes na região cresceu de 1.391 toneladas, em 2006, para 7.787 toneladas, em 2013. Além disso, a redução de perdas devido a desvio de qualidade caiu de 44% para apenas 3%.

Produção de leite com Boas Práticas na Fazenda - Iniciativa pioneira da companhia em parceria com a Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), o programa Boas Práticas na Fazenda oferece aos produtores de leite o suporte técnico para a realização de procedimentos e controles que contribuem para melhorar qualidade e segurança da matéria-prima. Hoje 1.854 propriedades rurais fazem parte do programa.

Por meio da capacitação e acompanhamento técnico de especialistas, as fazendas passam a ter uma melhor gestão e resultados. Ao todo, 53 itens são avaliados por empresas parceiras, com o acompanhamento dos técnicos responsáveis pelas fazendas. Entre os itens estão: capacitação dos ordenhadores; destinação de dejetos; utilização de drogas veterinárias; limpeza e manutenção de equipamentos; armazenamento do leite; bem-estar animal; qualidade da água; manejo sanitário e alimentação do rebanho.

Nescafé Plan - Por meio do programa Nescafé Plan, iniciativa global da companhia, a Nestlé oferece no Brasil apoio técnico para fomentar o desenvolvimento de produtores locais de café conilon no Espírito Santo para melhor atender as especificações de sustentabilidade.

O programa utiliza as diretrizes do Código 4C - Código Comum para a Comunidade Cafeeira, do qual NESCAFÉ é uma das fundadoras, e que busca aumentar a produtividade do café conilon localizada no Espírito Santo. A empresa disponibiliza profissionais especializados, que apoiam os cafeicultores no planejamento para o alcance da certificação. O Código 4C orienta o cafeicultor para a utilização de boas práticas agrícolas, abrangendo as dimensões social, ambiental e econômica. Promove-se então a preservação ambiental; aumenta a produtividade e gera mais renda para os cafeicultores; melhora a qualidade da matéria-prima produzida e oferece ao consumidor um produto com mais qualidade.

O café adquirido das fazendas do Espírito Santo tem como destino a Unidade Fabril da Nestlé em Araras (SP) – responsável pela produção do café solúvel NESCAFÉ® distribuído no mercado nacional e exportado para mais de 60 países.

         O Dia do Agricultor é comemorado no dia 28 de julho.

Sobre a Nestlé – É a maior empresa mundial de nutrição, saúde e bem-estar, com operações em 194 países e fábricas em 86 países. No Brasil, instalou a primeira fábrica em 1921, na cidade paulista de Araras, para a produção do leite condensado Milkmaid, que mais tarde seria conhecido como Leite Moça por milhões de consumidores. A atuação da Nestlé no Brasil abrange segmentos de mercado achocolatados, biscoitos, cafés, cereais, cereais matinais, águas, chocolates, culinários, lácteos, refrigerados, sorvetes, nutrição infantil (fórmulas infantis, cereais infantis e papinhas prontas para o consumo), nutrição clínica, produtos à base de soja, alimentos para animais de estimação e serviços para empresas e profissionais da área de alimentação fora do lar. Atualmente, a rede de distribuição dos produtos cobre mais de 1.600 municípios dos mais diversos tamanhos. A Nestlé Brasil e suas empresas coligadas estão presentes em 99% dos lares brasileiros, segundo pesquisa realizada pela Kantar Worldpanel. A empresa tem 31 unidades industriais, localizadas nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Goiás, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Espírito Santo. Emprega mais de 21 mil colaboradores diretos e gera outros 220 mil empregos indiretos, que colaboram na fabricação, comercialização e distribuição de mais de 1.000 itens.
Article Type