Nestlé debate mitos e verdades sobre defensivos agrícolas com produtores de café

Back to Press releases
São Paulo,
Palestras realizadas pela companhia em Águia Branca (ES) capacitarão agricultores locais para garantir um trabalho seguro

São Paulo, novembro de 2014 – Com o objetivo de esclarecer dúvidas e difundir boas práticas no uso de defensivos agrícolas, a Nestlé realizará, nos dia 6 e 7 de novembro, duas palestras com o tema “Agrotóxicos e Saúde: Mitos e Verdades”. Os eventos acontecerão em Águia Branca (ES) e devem reunir cerca de 300 agricultores da região. A iniciativa é parte das ações para a Criação de Valor Compartilhado, desenvolvidas pela companhia para estimular a adoção de práticas agrícolas sustentáveis.

As palestras serão conduzidas pelo Professor Dr. Angelo Zanaga Trapé, médico toxicologista e Coordenador da Área de Saúde Ambiental da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (SP), que há 34 anos se dedica à avaliação de saúde de agricultores que mantêm contato com defensivos. Durante o evento, ele falará sobre o uso correto desses produtos, bem como de equipamentos e procedimentos que garantem a segurança do trabalhador.

No segundo dia, a Nestlé realizará ainda um trabalho de campo para avaliar as condições de exposição dos agricultores aos produtos químicos, contando com a orientação do professor, que fará sugestões e considerações sobre a realidade observada. Além disso, será distribuído o “Guia de Horta Orgânica”, oferecido pelo Programa Nestlé Nutrir Crianças Saudáveis*, que promove conceitos de educação nutricional para que os produtores proporcionem a seus filhos uma alimentação equilibrada.

Criação de Valor Compartilhado na cadeia do café

Garantir a qualidade e a sustentabilidade do café conilon desde o plantio até a chegada à mesa do consumidor. Essa é uma das premissas do trabalho desenvolvido pela Nestlé, por meio da marca NESCAFÉ® com os cafeicultores do Estado do Espírito Santo. NESCAFÉ® é uma das fundadoras da Associação 4C, detentora do Código Comum da Comunidade Cafeeira (4C) - um sistema internacional de verificação voltado às práticas sustentáveis de produção de café. Por meio do programa NESCAFÉ® Plan, a marca incentiva à adesão às práticas de agricultura sustentável definidas através do código de conduta 4C, para criar um novo paradigma de produção, atendendo as especificações de sustentabilidade.


Serviço

Palestra "Agrotóxicos e Saúde: Mitos e Verdades"
Data: 6 de novembro de 2014
Horário: das 18h30 às 20h30
Local: Escola Agroecológica de Águas Claras

Data: 7 de novembro de 2014
Horário: das 18h30 às 20h30
Local: Escola Agroecológicas de Morro de São João

*Sobre o Programa Nestlé Nutrir Crianças Saudáveis

O Programa Nestlé Nutrir Crianças Saudáveis atua na prevenção e no combate à obesidade e à desnutrição infantil a partir da alimentação balanceada combinada com a prática de atividade física, e já capacitou mais de 17 mil educadores e impactou mais de 1,9 milhão de crianças em mais 6,7 mil escolas públicas de todo o Brasil.

Sobre a Nestlé – É a maior empresa mundial de nutrição, saúde e bem-estar, com operações em 194 países e fábricas em 86 países. No Brasil, instalou a primeira fábrica em 1921, na cidade paulista de Araras, para a produção do leite condensado Milkmaid, que mais tarde seria conhecido como Leite Moça por milhões de consumidores. A atuação da Nestlé no Brasil abrange segmentos de mercado achocolatados, biscoitos, cafés, cereais, cereais matinais, águas, chocolates, culinários, lácteos, refrigerados, sorvetes, nutrição infantil (fórmulas infantis, cereais infantis e papinhas prontas para o consumo), nutrição clínica, produtos à base de soja, alimentos para animais de estimação e serviços para empresas e profissionais da área de alimentação fora do lar. Atualmente, a rede de distribuição dos produtos cobre mais de 1.600 municípios dos mais diversos tamanhos. A Nestlé Brasil e suas empresas coligadas estão presentes em 99% dos lares brasileiros, segundo pesquisa realizada pela Kantar Worldpanel. A empresa tem 31 unidades industriais, localizadas nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Goiás, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Espírito Santo. Emprega mais de 21 mil colaboradores diretos e gera outros 220 mil empregos indiretos, que colaboram na fabricação, comercialização e distribuição de mais de 1.000 itens.